A MEDIADORA – 3° LIVRO – REUNIÃO

DE: MEG CABOT

REUNIÃO


“…Gina apareceu e Kelly parou no meio da frase.

     Bem, Gina é o tipo de garota que faz as pessoas pararem as frases no meio para admirar. Mede cerca de 1,80m, e o fato de ter recentemente transformado o cabelo num esfregão de cachos eriçados cor de cobre, formando uma aura de dez centímetros em volta da cabeça, só a fazia parecer maior. Além disso, por acaso, estava usando um biquíni de vinil preto, sobre o qual tinha enfiado um short que parecia feito com as argolas de um monte de latas de refrigerante.

     Ah, e o fato de que estivera no sol o dia inteiro havia escurecido sua pele normalmente café-com-leite até ficar na cor de um café puro, o que sempre chocava quando combinado com um brinco no nariz e o cabelo laranja.

     ― Achei! ― disse Gina empolgada, enquanto colocava uma embalagem de seis garrafas no balcão ao lado de minha Diet Coke. ― É isso aí, cara. A perfeita combinação química.

     ― Ah, Gina ― falei, esperando que ela não desejasse minha participação no consumo de nenhuma daquelas garrafas. ― Essas são duas amigas da escola, Kelly Prescott e Debbie Mancuso. Kelly, Debbie, está é Gina Augustin, uma amiga minha de Nova York.

     Os olhos de Gina se arregalaram por trás dos óculos Ray Ban. Acho que ficou pasma com o fato de que, desde que tinha me mudado para cá, eu havia feito algumas amigas, algo que em Nova York eu certamente não tinha em grande quantidade, além dela. Mesmo assim conseguiu controlar a surpresa e disse muito educada:

     ― Tudo bem?

     Debbie murmurou:

     ― Oi.

     Mas Kelly foi direto ao ponto:

     ― Onde você conseguiu esse short incrível?

     Foi enquanto Gina estava respondendo a ela que eu notei pela primeira vez os quatro jovens usando roupa de festa parados perto da gôndola de bronzeadores.

     Você pode estar se perguntando como eu não os tinha notado antes. Bom, a verdade é que, até aquele momento específico, eles não estavam ali.

     E, de repente, estavam.

  Sendo do Brooklyn, já vi coisas muito mais estranhas do que quatro adolescentes vestindo roupa formal num mercadinho durante uma tarde de domingo na praia. Mas como aqui não era Nova York, e sim Califórnia, a visão era espantosa. Ainda mais espantoso era o fato de que os quatro estavam roubando uma embalagem de doze cervejas.

   Não estou brincando. Uma embalagem de doze, em plena luz do dia, e eles muito bem vestidos ― as garotas até estavam com flores nos pulsos. Kurt não é tão sagaz assim, verdade, mas certamente aqueles garotos não podiam pensar que ele iria deixá-los sair dali com sua cerveja ― particularmente vestidos com roupas de baile de formatura.

    Então levantei meus óculos Donna Karan para olhar melhor.

    E foi aí que notei.

    Kurt não ia fazer nada com aqueles garotos. Não mesmo.

    Kurt não podia vê-los.

    Porque estavam mortos…”

 

REUNIÃO – Suzannah parece ser uma adolescente normal, mas ela é uma mediadora.  Ajuda aos fantasmas a resolverem suas pendências antes de seguirem seus caminhos.

Gina, sua amiga de Nova York, fora convidada a passar uns dias com ela em sua nova moradia na Califórnia, e conhecer sua nova família.  Sua mãe com seu novo padrasto e os três filhos dele: Soneca, Dunga e Mestre.

Mas Suzannah tem um segredo em seu quarto, e ela tem de esconder da sua melhor amiga.

QUER SABER MAIS? ACESSE:   

www.megcabot.com

Contato:

 jugloxinia@uol.com.br

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s