CALAFRIOS DA NOITE – TORNIQUETE

DE: CESAR BRAVO

CALAFRIOS DA NOITE

“… Ele ligou um gravador e pegou de novo bloquinho de anotações, certeza que era só pra fazer tipo…
— Vejamos… você me disse que começou com uma coceira toda essa… isso… essa…
— Essa loucura, doideira, coisa de maluco, pode dizer, eu não me incomodo.
— Simplifiquemos… Como decidiu amputar sua perna?
Eu me ajeitei na cama, respirei mais fundo e comecei a contar a coisa mais corajosa e estúpida que alguém com duas bolas (e duas pernas) pode fazer…”

TORNIQUETE – Milor Aleixo, é um paciente do hospital Santa Isabel em Taubaté, esta em recuperação por ter amputado uma de suas pernas, voluntariamente. E é exatamente sobre isso que ele relata a um repórter:  o porquê e  como ele teve coragem de amputar a própria perna…

QUER SABER MAIS? ACESSE:http://coisasdobravo.blogspot.com.br/#

cesarbravoescritor@gmail.com

Volte sempre a,

VAMPIT.

J. P. Santos, agradece.

https://vampitdivulgalivros.wordpress.com.

Contato:

 jugloxinia@uol.com.br

GOSTOU?

DEIXE SEU COMENTÁRIO.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s